Alceni Guerra realiza palestra em lançamento do Parque Tecnológico de Paranavaí

O investimento em educação e tecnologia é sempre destaque no Paraná e no último dia 18 de maio foi lançado o Parque Tecnológico de Agroinovação de Paranavaí. A proposta do parque é focar em mandiocultura e citricultura, vai ocupar parte da área da Estação Experimental do IAPAR na cidade.

No evento, Alceni Guerra realizou uma palestra, juntamente com o professor Jorge Luis Nicolas Audy, presidente da Anprotec. O ex-ministro lembrou de quando foi prefeito de Pato Branco e todos os benefícios que a construção de um parque trouxeram para a cidade. “Pato Branco deu um salto inimaginável nesses poucos mais de 20 anos da construção do parque. Passou a ser o maior polo de produção de software e hardware do interior do Paraná, tem a quinta renda per capita do estado, cerca de 150 cursos superiores, 20 tecnológicos. Tudo isso graças a capacidade de produção intelectual das faculdades que se instalaram em Pato Branco, depois que eu consegui, em 1987, tirar um Cefet do Norte do Paraná e levá-lo para Pato Branco. Foi um presente do presidente José Sarney e hoje temos uma cidade que é um verdadeiro polo de tecnologia, que orgulha o país e o mundo inteiro”, contou.

E Paranavaí pode se desenvolver tão bem quanto Pato Branco, garantiu Alceni. “E em Paranavaí eles podem conseguir o mesmo, desde que sigam os passos do Parque Tecnológico de Pato Branco”, concluiu.

Ainda falando sobre educação e inovação, Alceni Guerra lembrou da importância dos novos profissionais. “As inúmeras faculdades que logo se tornarão universidades têm mais de 500 pós-doutores, doutores, mestres e mestrandos. Essa massa crítica humana faz com que a cidade se transforme, permanentemente, num polo de inovação. E esse presente nós retribuímos fazendo com que a arrecadação em Pato Branco, que no meu primeiro ano de governo foi de 16 milhões, se aproxime cada vez mais de meio bilhão de reais. Acho que nesse ano talvez não seja possível por causa da crise econômica que atinge o país, mas com certeza no ano que vem nós a atingiremos. E daremos um exemplo, como sempre, para o mundo de como uma cidade pequena se transformou numa cidade de médio porte, ficou rica e com grandes empreendedores locais que nós queremos ajudar a construir uma capital tecnológica no interior do pais”, afirmou.

O evento foi organizado pela secretaria estadual de agricultada através do IAPAR e contou com a presença de autoridades do governo estadual e especilistas na área de inovação e tecnologia.

A.G

Com as contas em dia, Coritiba poderá transmitir jogos na internet

apostas-campeonato-brasileiro

Imagem ilustrativa

As contas do Coritiba Futebol Clube estão em dia, pela primeira vez após muitas décadas.

Isso foi fruto de uma negociação com a televisão do Esporte Interativo a partir de 2019 até 2024.

Recebemos luvas como adiantamento, numa negociação que propiciou ao Coritiba colocar suas contas em dia. Isso me custou mais de 20 viagens e muita paciência durante muitos e muitos meses. O mesmo vale agora para a transmissão do Atletiba através do YouTube. Nós devemos estar abrindo a porta para daqui a 3, 4 ou 5 anos de uma transmissão que vai nos render, automaticamente, dinheiro como se fosse um ingresso e um número muito grande de sócios para assistirem, como hoje nós assistimos filmes na televisão.  Acredito que precisamos de muita paciência, mas que estamos no caminho certo“, explica Alceni.

A.G

Vacina da Febre Amarela é fundamental para quem vai viajar no Carnaval

aedes-febre-amarela-640pO carnaval está chegando e as pessoas começam a se programarem para passar o feriado em outras cidades. Quem vai viajar para zonas de risco, onde há registro de mortes por febre amarela precisa se vacinar.

Os pais têm que levar as crianças no pediatra para consulta e só depois a vacina deve ser feita. No caso dos adultos, quem está a mais de 10 anos sem imunização precisa necessariamente se vacinar para evitar a doença”, explica Alceni Guerra.

Todos os postos de saúde do Paraná e região Sul do país têm doses da vacina disponíveis para a população.

 

Um pouco mais sobre a Febre Amarela

febre amarela é uma doença infecciosa grave, causada por vírus e transmitida por mosquitos. Geralmente, quem contrai este vírus não chega a apresentar sintomas ou os mesmos são muito fracos. As primeiras manifestações da doença são repentinas: febre alta, calafrios, cansaço, dor de cabeça, dor muscular, náuseas e vômitos por cerca de três dias. A forma mais grave da doença é rara e costuma aparecer após um breve período de bem-estar (até dois dias), quando podem ocorrer insuficiências hepática e renal, icterícia (olhos e pele amarelados), manifestações hemorrágicas e cansaço intenso. A maioria dos infectados se recupera bem e adquire imunização permanente contra a febre amarela.

Com Informações da Fiocruz

A.G